Quinta-feira, 25 de Maio de 2006

Afinal quem paga a crise

Salário médio real da função pública continua a cair
    O salário médio real da função pública tem vindo a desvalorizar-se nos últimos anos, sobretudo ao nível dos quadros técnicos, afirma um estudo a apresentar no congresso do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado que começa esta quarta-feira, refere a edição do Jornal de Negócios.
     De acordo com uma análise a apresentar no congresso sobre a evolução das remunerações do trabalho, o que qual cita dados do Instituto Nacional de Estatística e do Ministério da Finanças, a desvalorização salarial vai continuar este ano, com um decréscimo real dos salários da função pública.
    Este ano os funcionários públicos tiveram um aumento salarial de 1,5% e a previsão oficial da inflação é de 2,6%.
    Entre 1995 e 2003 o salário médio da função pública evoluiu de 1.171 euros para 2.158 euros, mantendo-se abaixo dos restantes 14 países europeus e contrariando a máxima de que os funcionários públicos portugueses têm salários elevados.

COMENTÁRIO
  Só espero que os eleitores do P.S. - P.S.D./ CDS-PP já tenham começado a fazer a sua quotização, para começarem a pagar a crise. Eu já estou farto...
publicado por ummundomelhor às 13:37
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Vergonha

. Exemplo

. Cartão amarelo às regras ...

. Faça-se Justiça

. Heroi Eterno

. Hasta la vitória, siempre

. Carta de Che a Fidel

. Mundial Alemanha 2006

. A resposta

. Contra Guantánamo, contra...

.arquivos

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

.favorito

. Pensamento do Dia

. O Hino

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds